Notícias

Tel.:(11) 3897-6100

pt
en
es

COUROMODA 2024

Todos os serviços para sua participação na Couromoda.

VIAGEM E HOSPEDAGEM

Oportunidade de atualização com os principais temas do mercado.

CREDENCIAMENTO EMPRESARIAL

Garanta sua credencial para a mais importante feira de calçados da América Latina.

SÃO PAULO PRÊT-À-PORTER

Feira Internacional de Negócios para Indústria de Moda, Confecções e Acessórios.

Notícias da Couromoda

Calçado no Mundo

Notícias do Setor

Colunista

Lançamentos e Moda

Mídia

Facebook
Twitter
Pinterest
[wpavefrsz-resizer]

Arezzo mostrou seu modelo de negócios no Congresso Mundial do Calçado

A 5ª edição do Congresso Mundial do Calçado, realizado nos dias 24 e 25 de novembro, em León, no México, abordou uma série de assuntos que são de extrema relevância para o segmento em nível global. Durante a abordagem do tema “Consumidores Globais de Calçados com Diferentes Expectativas”, a Arezzo&Co foi um dos cases apresentados. Participando do segmento “Estratégias de Segmentação”, o diretor de operações para América do Norte da Arezzo&Co, Fernando Porto, mostrou como funciona a atuação da empresa, em diferentes nichos de mercado, e impressionou o público.

Para Porto, o sucesso da companhia se deve a uma série de fatores, entre eles a segmentação e o forte investimento em marketing – utilizando-se muitas vezes de celebridades. “Criamos uma conexão emocional com nossas clientes”, explica. Porém, o principal diferencial da empresa está no grande número de lançamentos e novidades ofertadas ao mercado. Levando em conta as grifes Arezzo, Schutz, Alexandre Birman e Anacapri, são desenvolvidas nove coleções ao ano, que contemplam cerca de 11 mil artigos distintos e geram vendas de mais de 9 milhões de pares de calçados, além de bolsas e acessórios. “Nosso processo de pesquisa é intenso e temos que sempre dar uma resposta rápida e assertiva às clientes. Antigamente, os meios de comunicação, como revistas especializadas, apontavam o que seria moda e os desfiles confirmavam. Hoje o processo mudou e a consumidora é parte ativa da construção da moda”, detalha o gestor.

Ele ressaltou também o trabalho que a Arezzo&Co faz de acompanhamento da performance de cada artigo lançado, o que aponta para o reforço, manutenção, reformulação ou até extinção de determinados lançamentos. “Cada ciclo de produto dura, em média, 18 semanas; e precisamos fazer adaptações eventuais para garantir o giro sempre”, completou.
O modelo de negócios da companhia, detalhou Porto, é baseado em cinco pilares: habilidade para inovar; sólido programa de comunicação e marketing; cadeia de suprimentos e logística ágeis e eficientes; distribuição diversificada; e administração experiente com incentivos baseados nos resultados.

Nichos e história
A marca Arezzo é representada por produtos que seguem as principais tendências e tem preço médio estimado em R$ 189,00. Já os produtos com a etiqueta Schutz são mais modernos e provocadores, situando-se no patamar médio de R$ 300,00, enquanto os calçados Anacapri seguem um perfil mais acessível e descontraído, com valor médio de R$ 110,00. A grife Alexandre Birman se enquadra no segmento de luxo, sendo comercializada com um ticket médio de R$ 960,00.

Porto fez um breve resumo da história da empresa, que celebra 41 anos de atividades. Ele lembra que a grande virada da Arezzo se deu nos anos 90, quando fechou a fábrica em Minas Gerais e voltou-se, com intensidade, ao varejo e concentrou-se no desenvolvimento e fortalecimento das marcas.

Também participaram do painel Andrea Bell, editora de venda e pesquisa do Consumidor da WGSN (Estados Unidos), Julio Olivers, diretor geral da Mascaró (Espanha); e Maurice Breton, diretor geral da rede varejista Comfort Management Corporation (Estados Unidos).

Sobre o Congresso Mundial do Calçado
A 5a edição do Congresso Mundial do Calçado foi uma realização da Confederação Europeia do Calçado (CEC), em conjunto com a Câmara da Indústria do Calçado do Estado de Guanajuato (CICEG) e a Associação Nacional dos Fornecedores para a Indústria de Calçados (Anpic). O evento teve a Couromoda como uma das patrocinadoras platinum e contou com mais de 670 participantes ligados ao segmento calçadista em nível mundial, 51 painelistas e 32 países representados.


Por: Mauro Moraes | GBM Comunicação

Leia também:

Coordenador da campanha de Barack Obama aconselha marcas a irem para ofensiva
Produção de calçados ficou em 22 bilhões de pares, em 2013; Ásia produz 87% do total
Editora da WGSN norte-americana fala sobre estratégias para encantar o cliente

 

 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MAIS NOVIDADES