Notícias

Tel.:(11) 3897-6100

pt
en
es

COUROMODA 2024

Todos os serviços para sua participação na Couromoda.

VIAGEM E HOSPEDAGEM

Oportunidade de atualização com os principais temas do mercado.

CREDENCIAMENTO EMPRESARIAL

Garanta sua credencial para a mais importante feira de calçados da América Latina.

SÃO PAULO PRÊT-À-PORTER

Feira Internacional de Negócios para Indústria de Moda, Confecções e Acessórios.

Notícias da Couromoda

Calçado no Mundo

Notícias do Setor

Colunista

Lançamentos e Moda

Mídia

Facebook
Twitter
Pinterest
[wpavefrsz-resizer]

Exportações de componentes crescem 16% em outubro


Depois de uma série de resultados negativos com as exportações ao longo do ano, o setor brasileiro de componentes para calçados, couros e artefatos conseguiu bons resultados nos embarques em outubro. Os fabricantes movimentaram US$ 97,07 milhões no comércio internacional, um crescimento de 16% sobre o mesmo mês de 2011. O percentual é o maior atingido em 2012, dentro de um histórico de outros dois resultados positivos: em julho, o incremento foi de 2%, e em agosto de 6%.

No acumulado do ano, a receita do setor com o envio de componentes para o exterior soma US$ 909,78 milhões, – 4,2% em relação ao mesmo período do ano passado, de acordo com dados do Setor de Inteligência Comercial da Associação Brasileira de Empresas de Componentes para Couros, Calçados e Artefatos (Assintecal).

“O mercado mundial ainda está muito oscilante e acaba colocando freios nos negócios. Como o setor de componentes faz parte de uma demanda derivada, ele cresce conforme é esboçada reação nos demais setores”, comentou o diretor-executivo da Assintecal, Diogo Serafim.

As dificuldades, no entanto, não limitam a atuação da entidade, que mantém os trabalhos para ampliar as vendas além fronteiras do Brasil, prospectando mercados, principalmente Colômbia, Peru, Guatemala, México, China, Índia e Itália, países listados como mercados-alvos. Nos dez meses de 2012, já são 173 os países que adquiriram componentes brasileiros. Os cinco principais compradores são Argentina, Alemanha, Estados Unidos, México e Paraguai, que juntos representam 51% do total exportado. Os principais segmentos das exportações, no acumulado do ano, foram Produtos Químicos para Couro (17%), Saltos e Solados (17%) e Cabedal (15%) Já os segmentos, cujos embarques mais cresceram foram Ferramentaria (+13%), Produtos Químicos para Couro (+7%).

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MAIS NOVIDADES