Confira

Couromoda 2021, de 01 a 03 de março, será ...

Couromoda 2021, de 01 a 03 de março, será exclusivamente digital; evento presencial volta em 2022, de 16 a 18 de janeiro

13/01/21

O governo do Estado publicou, no dia 30 de dezembro, decreto que prorroga até 30 de junho de 2021 uma série de benefícios fiscais concedidos por meio de Créditos Presumidos Setoriais, os quais tinham vigência até 31 de dezembro de 2020. De acordo com a Secretaria Estadual da Fazenda, foram avaliadas as possibilidades de cortes parciais (entre 10% e 25%), mas, considerando as incertezas econômicas ainda existentes por conta da pandemia, os beneficíos fiscais foram integralmente renovados até junho de 2021, abrindo nova janela para discussão de tais incentivos. Confira
O governo do Estado publicou, no dia 30 de dezembro, decreto que prorroga até 30 de junho de 2021 uma série de benefícios fiscais concedidos por meio de Créditos Presumidos Setoriais, os quais tinham vigência até 31 de dezembro de 2020. De acordo com a Secretaria Estadual da Fazenda, foram avaliadas as possibilidades de cortes parciais (entre 10% e 25%), mas, considerando as incertezas econômicas ainda existentes por conta da pandemia, os beneficíos fiscais foram integralmente renovados até junho de 2021, abrindo nova janela para discussão de tais incentivos.

Governo do Rio Grande do Sul prorroga até ...

Governo do Rio Grande do Sul prorroga até junho de 2021 incentivos fiscais ao setor coureiro calçadista

12/01/21

Confira

Campanha SS21 da Prada propõe um diálogo ...

Campanha SS21 da Prada propõe um diálogo direto com os consumidores

12/01/21

O ano de 2020 foi de dificuldades para o setor calçadista nacional. Dependente do mercado doméstico, para o qual são destinadas mais de 85% das vendas setoriais, a indústria calçadista viu sua produção despencar 27% (até outubro, conforme dados do IBGE). Para o final do ano, a projeção é de que a queda fique em torno de 25%, fazendo com que o setor retorne ao patamar produtivo de 16 anos atrás, na faixa de 650 milhões de pares. A queda, conforme a Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados), é influenciada também pelas exportações de calçados, que até novembro caíram 19,4% (para 84,48 milhões de pares). Confira
O ano de 2020 foi de dificuldades para o setor calçadista nacional. Dependente do mercado doméstico, para o qual são destinadas mais de 85% das vendas setoriais, a indústria calçadista viu sua produção despencar 27% (até outubro, conforme dados do IBGE). Para o final do ano, a projeção é de que a queda fique em torno de 25%, fazendo com que o setor retorne ao patamar produtivo de 16 anos atrás, na faixa de 650 milhões de pares. A queda, conforme a Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados), é influenciada também pelas exportações de calçados, que até novembro caíram 19,4% (para 84,48 milhões de pares).

Setor calçadista deve crescer 19% em 2021 ...

Setor calçadista deve crescer 19% em 2021, projeta Abicalçados

17/12/20

PARCEIROS INSTITUCIONAIS