Home > Notícias
04/03/2021

A importância do DRE Gerencial para as lojas de calçados

Você entende a importância do Demonstrativo de Resultado Gerencial (DRE) para sua loja de calçados? Mais conhecido como DRE Gerencial, esse documento reúne informações que indicam a real saúde de qualquer tipo negócio empresarial e é a principal ferramenta de gestão financeira em uma loja.

Em resumo, para ter certeza de que os seus esforços estão trazendo lucros ou prejuízos, antes você precisa consultar o DRE Gerencial. É lá que o lojista consegue visualizar a soma de todas as receitas, custos e despesas e identificar os gargalos da gestão e os pontos de melhoria. O DRE Gerencial pode ser elaborado a qualquer tempo, tornando-se uma ferramenta poderosa para a tomada de decisão.

Vale a pena lembrar que as lojas de calçados possuem alguns custos e algumas despesas que precisam ser gerenciados com cautela, tais como custo da mercadoria vendida (CMV) e despesas com marketing, ocupação e pessoas.

Ou seja, para que uma loja ou grupo de lojas de calçados funcione direitinho, o lojista precisa equilibrar seus investimentos e controlar todas as despesas inerentes ao negócio. Com tantas variáveis e particularidades, torna-se impossível pensar na gestão de um negócio promissor sem a ajuda de um documento de DRE Gerencial confiável. E, para que seja uma ferramenta de decisão, e não apenas de alerta, é preciso respeitar alguns princípios básicos em sua construção.

Princípios básicos para construção de um DRE Gerencial
Para a construção de um DRE Gerencial, não existe um único modelo, pois depende do nível de gestão e do tamanho da empresa. Utilize como base todas informações financeiras do negócio, as receitas, as despesas ou os custos. Basicamente considere a seguinte estrutura simplificada:

Receita bruta
(-) Impostos sobre as vendas
(=) Receita líquida
(-) Custos das mercadorias vendidas
(=) Lucro Bruto
(-) Despesas operacionais
(=) Lucro antes do resultado financeiro
(+/-) Receitas e despesas financeiras
(=) Lucro antes dos tributos
(-) Tributos sobre o lucro
(=) Lucro líquido

Além disso, para um DRE Gerencial confiável, é preciso respeitar um princípio básico: a organização. Aí está a importância de obedecer ao princípio da competência, as receitas, os custos e as despesas que devem ser registradas na data que ocorreram, independentemente se foram pagas ou não. Assim, é possível visualizar a soma de todas as despesas e identificar quais são as que precisam ser monitoradas. Quanto mais confiáveis são os dados do seu software de gestão, mais realistas serão os cenários previstos.

Identificar os gargalos da gestão
Historicamente, as principais despesas a serem monitoradas em uma loja de calçados são as com pessoal, ocupação, marketing e retaguarda. Inclusive, essas são despesas que, quando não monitoradas, podem gerar prejuízos demais ou oportunidade de menos. Mas, por quê?

Imagine que um lojista com representatividade de mais de 50% de suas vendas feitas pelo crediário próprio identifica, através da análise de DRE, um aumento expressivo na conta de perda de carteira de clientes. Com base nestas informações, é possível chegar a diversas conclusões, entre elas identificar que há a necessidade de revisão dos critérios adotados pela loja para concessão de crédito aos clientes, sugerir ações práticas como meta e aumentar o número de renegociações com os clientes, garantindo assim o recebimento das dívidas. Isso significa que ter essa visão em tempo hábil possibilita a identificação de pontos de atenção na gestão e ações que impactam na saúde financeira do negócio.

Em outro exemplo: a partir da análise do DRE, os dados mostram que há um aumento de 20% em contas de energia elétrica, se comparadas com as do mesmo período do ano anterior. Tomado dessas informações, é possível acionar áreas estratégicas para sanar o problema e adotar novos planos de ação. Como a criação, junto ao setor de Recursos Humanos da empresa, de campanhas de conscientização do uso correto da energia elétrica com o objetivo de evitar desperdícios.

Outro ponto de atenção em uma loja de calçados é a conta de custos das mercadorias vendidas, pois ela representa o custo médio que é essencial para descobrir o lucro bruto da empresa. Seu objetivo é identificar se a loja está tendo lucro ou prejuízo na comercialização dos produtos.

Inclusive, é possível analisar, através do DRE Gerencial, o regime tributário adotado pela empresa. Quando se identifica o lucro antes e após os impostos, fica mais fácil entender se o regime tributário adotado é o que tem gerado menos tributos para o negócio.

Em resumo, utilizar o DRE estrategicamente faz com que seja possível tomar decisões mais rápidas para corrigir distorções, traçar para o atingimento das metas financeiras, extrair indicadores de desempenho como lucratividade, margem bruta e outros. Todos esses indicadores apontam se os seus esforços geram lucros ou prejuízos a curto, médio e longo prazo.

O que o DRE pode dizer sobre o futuro de uma loja?
Além de análises pontuais, como nos exemplos acima, o lojista ainda pode traçar cenários de projeção de resultados futuros a partir de ajustes de metas. Uma projeção interessante é a de aumento das vendas. Funciona assim: com base nos resultados atuais do negócio, junto a sua equipe de controladoria, o lojista cria cenários de aumentos de vendas. E consegue responder a pergunta corriqueira como, “se minha venda aumentasse em 10%, qual seria minha lucratividade?” Junto dessa projeção, a compreensão de todas as áreas, despesas e investimentos para se chegar a esse resultado fica muito mais clara.

Fazer projeções e ajustes de orçamento é fundamental para o crescimento sustentável e acompanhamento dos negócios, inclusive em períodos de dificuldade. Com um DRE Gerencial confiável em mãos, os passos para o futuro são mais firmes e certeiros.

Compreender a importância do demonstrativo de resultado em sua loja de calçados é a base para a evolução da sua gestão. Agora, que você já conhece a importância da DRE Gerencial para sua loja de calçados, capriche no planejamento financeiro. Essa visão será fundamental para seus investimentos futuros e, até mesmo, para o planejamento de compras. Conte com tecnologias e processos que tornam os resultados ainda mais confiáveis e facilitam as ações de melhorias em sua loja de calçados, conheça os softwares de gestão da Linx.

ADRIANO LOPES – Gerente comercial da SetaDigital, vertical de calçados da Linx