Home > Notícias
18/06/2020

BNDES também é opção de crédito para pequenos negócios

“Crédito é uma relação de confiança. Quanto mais o empresário chegar à instituição financeira conhecendo seu negócio e onde quer chegar e apresentar isso ao atendente, maiores são as chances de conseguir o acesso ao crédito”, afirma Marcus Vinicius Alves, gerente de área de produtos e canais digitais do BNDES.

O banco, conforme ele, é mais conhecido pelo trabalho com grandes empresas, mas está disponível para clientes de todos os portes e setores. Em 2019, 97,9% das 265 mil operações realizadas foram com MPMEs. Do valor desembolsado, 48,4%, ou R$ 26,7 bilhões, foram para elas.

O BNDES está presente em 97% dos 5.380 municípios brasileiros, através de instituições parceiras. Apoia os clientes através de operações contratadas diretamente com o banco e de operações indiretas, por meio de instituições financeiras credenciadas, como bancos comerciais, bancos de desenvolvimento, bancos de cooperativas, cooperativas de crédito e bancos de montadoras. Atualmente, 98% das operações indiretas já tramitam no BNDES Online. 44 agentes financeiros conectados tiveram 254 mil operações aprovadas, totalizando R$ 25 bilhões e 56 mil novos cientes em 2020.

Medidas emergenciais

Em 2020, o BNDES disponibiliza as seguintes medidas emergenciais de crédito:

1. R$ 5 bilhões para capital de giro para MPMEs (via agentes financeiros)
Objetivo – Empréstimo para manutenção e/ou geração de empresas, no limite de R$ 70 milhões, válido até 30 de setembro. Destinado a empresas com faturamento de até 300 milhões.

2. BNDES Crédito Pequenas Empresas
MPMES com faturamento anual de até R$ 300 milhões, com base no grupo econômico, até 30 de novembro, podem financiar praticamente tudo, como pagar funcionários, aluguel, duplicatas, impostos e dívidas, além de restabelecer o capital de giro e realizar investimentos.

Os agentes financeiros credenciados têm autonomia para análise e concessão de crédito para empresas. No site do BNDES, é possível acompanhar a atuação de cada um deles e fazer a melhor escolha conforme a região, o porte e o ramo de atividades da empresa. De 23 de março até 26 de maio, foram concedidos R$ 3 bilhões em financiamentos, R$ 1 bilhão dos quais para MPMEs.

Veja aqui as instituições financeiras credenciadas

3. Programa Emergencial de Suporte a Empregos – R$ 40 bilhões
Objetivo – Auxiliar no pagamento da folha salarial das empresas.
Podem solicitar empresas, sociedades cooperativas e sociedades empresariais com receita anual de R$ 360 mil a R$ 10 milhões.

Principais condições: taxa de juros de 3,75% ao ano, prazo de financiamento de 36 meses, carência de seis meses, com juros capitalizados, amortização em 30 meses e os empregados beneficiados não podem ser demitidos, sem justa causa, no período entre a data de contratação e o sexagésimo dia após o recebimento de última parcela.

4. Programa Emergencial de suspensão de pagamento

Objetivo é a suspensão de pagamento de prestações de operações BNDES com vencimento entre abril e setembro de 2020.

Cartão BNDES
Pode ser financiado através dele cerca de 270 mil produtos e serviços associados, como fretes, treinamento e instalação. 73 mil fornecedores estão cadastrados, e as principais características são crédito rotativo pré-aprovado, limite de até 2 milhões por banco emissor, até 48 prestações fixas e taxa de juros de 0,99% ao mês (maio de 2020).

A MPME deve solicitar o cartão no portal do BNDES e preencher proposta, que é enviada automaticamente, pela internet, ao banco emissor. O prazo de emissão é de 30 dias e os bancos emissores são Santander, Banestes, BRDE, Banrisul, Bradesco, SICCOB e Sicredi.

Novidade: Canal MPE

BNDES está disponibilizando uma novidade, o Canal MPE, plataforma digital que conecta pequenos negócios a soluções para promoção de seu desenvolvimento. Objetivo é empoderar as MPMEs na busca por soluções para o desenvolvimento de seus negócios. Conta com várias instituições parceiras, como a CNI e o Sebrae.

PARA OBTER MAIS INFORMAÇÕES
Portal BNDES: www.bndes.gov.br
Atendimento empresarial: 0800.702.6337
Ouvidoria: 0800.702.6307
Fale Conosco: www.bndes.gov.br/faleconosco