Home > Notícias
15/06/2018

Governo chinês reduz alíquota do IVA para estimular economia

Para estimular o crescimento econômico, a China decidiu reduzir a atual taxa de IVA a partir de 1 de Maio. O corte nas taxas de imposto sobre valor agregado é parte de um pacote de redução de impostos de 400 bilhões de yuans (cerca de 51,8 bilhões de euros) e prevê a redução da alíquota da produção de 17 para 16%, enquanto para transporte, construção, serviços básicos de telecomunicações e produtos agrícolas, a redução é de 11 a 10 por cento.

“A reforma do IVA ajuda a reduzir a carga tributária total sobre as empresas e a melhorar o regime tributário. A reforma é favorável à transformação e melhoria da economia, unificando a estrutura tributária e tornando a taxação mais equitativa”, disse o premier chinês Li Keqiang, explicando que esses cortes de impostos serão aplicados a todas as empresas de fabricação registradas na China” Li Keqiang, explicando que esses cortes de impostos serão aplicados a todas as empresas de fabricação registradas na China". sejam joint ventures ou empresas estrangeiras".

Leia também:
A nova coleção de tênis Chain Reaction da Versace
Fórum do Calçado no Porto produz documento conjunto de apoio ao livre comércio para conter onda protecionista
A jaqueta de motoqueiro completa 90 anos e segue como ícone da moda mundial
Com produção em colapso, calçadistas argentinos fazem apelo ao governo