Home > Notícias
04/10/2017

Arquiteto Julio Takano destacou o novo perfil do PDV no Dia Couromoda - Sebrae RS

O Dia Couromoda - Sebrae RS – que integra a Semana do Calçado de Novo Hamburgo e as comemorações dos 45 anos da Couromoda – oportunizou a um grupo de profissionais da indústria calçadista do Vale do Sinos, no Rio Grande do Sul, nesta segunda-feira, 02 de outubro, a conhecer as novas tendências do varejo mundial. Antes da palestra, o presidente e fundador da Couromoda, Francisco Santos, agradeceu aos apoiadores da iniciativa e destacou a grande presença de empresários e profissionais do setor no evento, o que demonstra a disposição dos player calçadistas em conhecer as novidades e aprimorar seus negócios. O diretor do Fórum Couromoda, Airton Maonel Dias, foi o mediador das atividades do Dia Couromoda - Sebrae RS, que contou ainda com a apresentação do professor Gil Giardelli, que tratou da Indústria 4.0 (leia matéria aqui). O Diretor Geral da COUROMODA, Jeferson Santos, também esteve presente e parabenizou o esforço conjunto de várias entidades para a concretização do evento. 

O arquiteto Júlio Takano, especialista em formatação de conceitos para o varejo, apresentou detalhes dos fenômenos que estão mudando o jeito de expor e vender calçados nos Estados Unidos e na Europa e, aos poucos, começam a ter reflexos também no Brasil. No varejo, uma das principais consequências das mudanças em curso é que o ponto de venda está se tornando cada vez mais ponto de experiências e de momentos marcantes para o consumidor. “Mais do que comprar produtos, o consumidor moderno busca novos valores no ponto de venda, como beleza, bem-estar, prazer, espiritualidade, responsabilidade social e sustentabilidade”, afirma Takano.

Nesse cenário, o desafio de gestores é criar experiências sensoriais que simulem “10 minutos de férias por dia” ao consumidor, ou seja, uma forma de auto-compensação pelo esforço na rotina do dia-a-dia, para desconectar-se dela, recuperar as forças e restaurar a alma. 

Conforme o especialista, que já criou mais de 500 conceitos de lojas com grande reposicionamento estratégico e incremento de vendas, totalizando 8,5 milhões de m², lojas que oferecerem soluções com elevado nível aspiracional são mais desejadas, pois a vontade de cuidar melhor de si mesmo é a tendência de comportamento mais poderosa das últimas décadas. "Experiências cristalizam indulgências e geram desejo, fidelização e incremento de vendas, bem como soluções para a construção de um branding Icônico, capaz de atrair o consumidor, satisfazer seus anseios de consumo e ainda assegurar uma relação duradoura com ele", complementou.

Metodologias
Conforme Takano, da idealização à operação do PDV ou ponto de experiências do consumidor, é preciso ter em mente a necessidade de ofertar 200 pontos de contato da marca com o consumidor. Isso, ressalta, torna-se mais fácil com a verticalização do processo de projetos e a integração de áreas.

No novo modelo de negócios, branding, planejamento estratégico, plano diretor integrado, pesquisa qualitativa e quantitativa e estratégia de varejo são essenciais para um posicionamento correto e a uma proposta de valor que efetivamente seja relevante para o consumidor, onde ele pode fazer compras e vivenciar momentos marcantes, como conversar com amigos, acessar as redes sociais, tomar um café ou alimentar-se.

“Na atualidade, o consumidor faz a demanda, a loja recebe e processa e a indústria produz”, diz Julio Takano, destacando que isso muda o perfil do PDV, a comunicação visual e o papel dos profissionais, que cada vez mais exercem a função de informar, orientar e educar o consumidor, utilizando processos, tecnologias, conceitos e produtos integrados.

Coletiva de imprensa e coquetel
Antes das palestras, a diretoria da COUROMODA detalhou novidades do Preview 2018 (leia matéria aqui). Logo após as apresentações, foi oferecido um coquetel no qual empresários e demais profissionais do setor puderam confraternizar e trocar informações de mercado (leia matéria aqui).