Home > Notícias
13/02/2020

Epidemia de coronavírus: Lineapelle e Simac Tanning Tech sem chineses, APFL em risco e feiras chinesas adiadas

O coronavírus está impactando fortemente no universo do calçado, em especial no segmento de feiras.  A Lineapelle, por exemplo, está programada para acontecer de 19 a 21 de fevereiro, na Fieramilano Rho. A mostra receberá cerca de 1.250 expositores e, geralmente, recebe a visita de vários compradores, cerca de 20.000 profissionais. A Simac Tanning Tech (exposição de tecnologia de curtimento, calçados e artigos de couro), por sua vez, será realizada nos mesmos dias, nos pavilhões adjacentes do centro de exposições de Milão.

Para evitar alarde relacionado ao coronavírus, as secretarias organizadoras dos dois eventos informam que “eles ocorrerão de forma regular, seguindo rigorosamente as indicações da Organização Mundial da Saúde e do Ministério da Saúde italiano. E em conformidade com os regulamentos atuais. Manteremos todos atualizados sobre novas disposições.”

A Lineapelle também relata que, devido ao cancelamento de voos para e da China e aos protocolos extraordinários do governo de Pequim em decorrência do coronavírus, a ausência de expositores e visitantes chineses na feira será inevitável. Uma nota conjunta dos dois eventos divulga que: “A Lineapelle e a SimacTanning Tech expressam participação e solidariedade aos operadores chineses envolvidos e estão à sua disposição para reduzir os inconvenientes pelos quais estão passando.”

E a APLF, vai acontecer?
A APLF considera alterar as datas. A Informa Markets, entidade que organiza a feira de Hong Kong, estão considerando as indicações da Organização Mundial da Saúde na discussão do calendário do evento. Ele está agendado para 31 de março a 2 de abril, mas a data parece estar prestes a mudar. Atualizações serão feitas até meados de fevereiro.

O comunicado da Informa Markets afirma que “a APLF continua monitorando de perto os desenvolvimentos do Coronavírus. Como organizadores, estamos alinhados com os esforços do Departamento de Saúde de Hong Kong e da OMS. O objetivo é controlar e limitar a propagação de doenças infecciosas. À luz do anúncio da OMS de 30 de janeiro, quando o coronavírus foi definido como uma emergência global, os organizadores consideraram planos alternativos. Entre estes, existe a possibilidade de adiar a APLF para uma data posterior em 2020. No meio de fevereiro, estaremos em condições de dar mais comunicados.”

Feiras chinesas adiadas
E o coronavírus afeta, ainda mais, as feiras na China. Nos últimos dias, tanto a Messe Frankfurt quanto o comitê organizador do Chic anunciaram que adiarão suas respectivas feiras programadas na China nas próximas semanas. A Messe Frankfurt anunciou que as três feiras têxteis agendadas para 11 a 13 de março, nomeadamente Intertextile Shanghai ApparelFabrics - Spring Edition, Yarn Expo Spring e Intertextile Shanghai Home Textiles - Spring Edition, serão adiadas e sem especificar-se para quando.

Eles seguem o mesmo destino de Prolight + Sound Guangzhou, Sps – Industrial Automation Fair Guangzhou (Siaf) e Asiamold a Guangzhou, e Toy& Edu, Baby &Stroller e Licensing China em Shenzhen, cujo adiamento já foi anunciado. “A Messe Frankfurt atua na China há mais de 30 anos, por isso apoiamos os esforços do governo para controlar a epidemia, e isso inclui a suspensão de eventos comerciais e econômicos em várias cidades”, disse Wendy Wen, gerente geral sênior da Messe Frankfurt (Hk).

Da mesma forma, a Chic também anunciou o adiamento da feira. “Dada a necessidade de prevenir e controlar o coronavírus, Shangai implementou um plano de emergência para a saúde pública”, lê-se em nota divulgada pela Chic. “A fim de proteger a saúde dos expositores, visitantes, funcionários e público, e garantir uma feira eficiente para todos os participantes, a Chic, agendada para 11 a 13 de março de 2020, foi adiada”.

Leia também:
Grupo LVMH: 53,7 bilhões de motivos para sorrir
Alessandra Albarelli é a nova gerente geral da Riva del Garda Fierecongressi S.p.A
Pollini apresenta uma coleção inspirada nas atmosferas de viagens e inverno dos anos 1970
Evento Pitti Bimbo foi positivo para o segmento de calçados infantis