Home > Notícias
13/12/2019

LVMH oficializa a compra da Tiffany em negócio que envolve US$ 16,2 bilhões

Agora é oficial: A LVMH comprou a Tiffany. O anúncio foi feito pela própria gigante de luxo liderada por Bernard Arnault por meio de uma nota oficial informando que “as empresas entraram em um acordo definitivo”. A LVMH comprou a Tiffany por US$ 135 por ação. A operação como um todo valeu US$ 16,2 bilhões. Em outras palavras: cerca de 14,7 bilhões de euros.

O fechamento da transação está previsto para a metade de 2020 e está sujeito às etapas rituais habituais, incluindo a aprovação por parte dos acionistas da Tiffany. “A aquisição da Tiffany fortalecerá a posição da LVMH no mercado de joias e acessórios de luxo. E aumentará sua presença nos Estados Unidos”, explica o grupo de luxo.

Arnault comentou: “É um prazer ter a oportunidade de dar boas-vindas à Tiffany, empresa com uma herança ímpar e um posicionamento único. Temos um imenso respeito e admiração pela Tiffany. Pretendemos desenvolver esta joia com a mesma dedicação e comprometimento dispensados a cada uma de nossas casas de moda. Teremos orgulho de ter a Tiffany ao lado de nossas marcas icônicas: esperamos garantir que ela continue prosperando nos próximos séculos.”

Leia também:
EUA: dólar forte cria problemas para a moda
Implementado o H&M Rental Service, serviço de aluguel de itens de moda
Micam apresenta tendências na China
O 'renascimento' da La Samaritaine, a catedral do comércio francês