Home > Notícias
25/08/2017

Pesquisa mostra que mulheres pagam mais caro que homens por sapatos de luxo

No segmento do luxo, os calçados femininos custam mais do que os masculinos, no casual acontece o oposto. Isto foi revelado pela startup USA Datafiniti, especializada em análise de dados, que elaborou um banco de dados de mais de 80 milhões de produtos vendidos online.

Segundo a Datafiniti, seis entre oito marcas de luxo tem um preço maior para as mulheres em relação aos homens. Podemos citar como exemplo o preço médio de um par de sapatos femininos Gianvito Rossi que é 750 dólares, enquanto os masculinos custam 469 dólares. Divergências semelhantes também ocorrem nas coleções de Valentino, Jimmy Choo e Saint Laurent.

Na moda casual e na moda esporte já acontece o contrario. O preço médio de um par de calçados da Vans para homens é de 50 dólares, para as mulheres 40 dólares; da Skechers 51 dólares contra 45$; da Adidas de 75$ contra 70$ e da Nike de 85 dólares para o homem e 80$ para a mulher. Por quê? De acordo com a Datafiniti poderia depender de quanto é importante o mercado masculino e o feminino para cada marca e, então, as marcas de luxo que se dirigem a uma clientela exclusivamente feminina tem um preço mais elevado para estes artigos, enquanto para os tênis esportivos é o oposto, já que o mercado masculino que é predominante. Porém a pesquisa da Datafiniti não aprofundou os aspectos relacionados ao design, detalhes, funcionalidade e desempenho que poderiam contribuir para uma diferença de preço.


Leia também
Curtumes italianos querem atrair o interesse dos jovens para esse setor
Nike investe 1 bilhão de dólares em um novo campus no Oregon
Belle muda de mãos
Sagripanti confirmado como Presidente da CEC