Home > Notícias
30/06/2017

Pitti Uomo e sua moda feita para um viajante do mundo milenar

A 92ª edição da feira italiana Pitti Uomo, que ocorreu em junho, apresentou 1.231 marcas, das quais 546 do exterior. Foram 245 os novos nomes, incluindo 141 marcas estrangeiras, que apresentaram coleções para um homem cavalheiro ou, então, um viajante do mundo milenar, que gosta de vestir-se com elegância esportiva e dá atenção aos detalhes e ao meio ambiente.

O homem da Pitti gosta dos produtos especiais que fundem uma filosofia evoluída e eco-friendly com uma veia criativa inspirada pela arte, pelas viagens e pela fotografia. Um consumidor atento à qualidade e intérprete curioso de um novo estilo de vida dedicado ao bem-estar, ao esporte vivido com naturalidade, respeitando o meio ambiente e compartilhando valores saudáveis.

É um homem que ama os jeans tingidos com tintas em gel eco-friendly, que podem economizar em 50% o consumo de água no seu processamento (Roy Roger’s). Ele está atento aos acessórios e a sua qualidade, mas também aos calçados que têm a vantagem de serem feitos com materiais ecológicos, desde a origem, ao curtimento, como os de Alberto Fasciani. E nessa nova proposta de moda, o tênis se confirma como protagonista, atualmente combinado com os mais variados estilos: casual, elegante ou formal.

Leia também:
Skechers: mais de um bilhão de dólares em vendas
Aplicativo que calcula o número do sapato é sucesso nas vendas online
Moda Church’s vai dos classicos ao tênis
Cresce a venda de calçados masculinos nos Estados Unidos
Estados Unidos: um quarto dos shopping centers irão fechar em cinco anos
LVMH: chegou a vez da era digital para o 24sevres.com