Notícias

Tel.:(11) 3897-6100

pt
en
es

COUROMODA 2024

Todos os serviços para sua participação na Couromoda.

VIAGEM E HOSPEDAGEM

Oportunidade de atualização com os principais temas do mercado.

CREDENCIAMENTO EMPRESARIAL

Garanta sua credencial para a mais importante feira de calçados da América Latina.

SÃO PAULO PRÊT-À-PORTER

Feira Internacional de Negócios para Indústria de Moda, Confecções e Acessórios.

Notícias da Couromoda

Calçado no Mundo

Notícias do Setor

Colunista

Lançamentos e Moda

Mídia

Facebook
Twitter
Pinterest
[wpavefrsz-resizer]

Novas marcas e grifes tradicionais destacam-se no polo calçadista de Jaú

Entre entre as cerca de 200 fábricas de calçados de Jaú, algumas se destacam em nível nacional por uma série de atributos. Investimento em qualidade – da matéria-prima ao acabamento -, design atualizado com as tendências internacionais, investimentos em marketing e mudanças em gestão corporativa são algumas das estratégias que contribuem para a boa performance destas empresas. Confira alguns exemplos deste sucesso.

Maithê: alto valor agregado
Uma pequena fábrica de calçados com valor agregado destaca-se em Jaú na atualidade. Com dez anos de atividades, a Maithê Luxury Shoes produz – segundo o diretor Juliano Carinhato – o melhor calçado feminino do município, vendido em butiques e sapatarias conceituadas de todo o Brasil e de outros países, na América Latina, Europa e África do Sul.

Para o verão, a marca disponibiliza sandálias, sapatos e outras linhas com pedrarias exclusivas e materiais diferenciados, que tiveram boa aceitação por parte de lojistas e consumidoras. “Apesar da retração do mercado, trabalhamos bem e não podemos reclamar”, afirma Carinhato.

Recentemente, a indústria lançou sua segunda marca. A Glitzy compreende modelos com preços inferiores aos da Maithê e que visam atender ao um publico de menor poder aquisitivo. Além de produzir suas duas marcas, a fábrica jauense é responsável pelo desenvolvimento e fabricação de calçados para a grife de bolsas Smart Bag.

“Criamos muito e buscamos sempre fazer o melhor”, destaca Juliano Carinhato, cuja expectativa volta-se agora para 2015. Na Couromoda, foi lançada a coleção outono-inverno, que terá botas e outros produtos com padrão de qualidade e visual característico da marca.

Hiz propõe inverno colorido
Uma coleção colorida, com texturas, brilhos e muitas estampas, que mistura o chique com o despojado. É isso que a Hiz Calçados propõe para o inverno 2015. As novidades lançadas na Couromoda têm como destaque um tênis iate com renda e bico fino que promete chamar a atenção de lojistas e consumidoras pelo diferencial. “É um produto fashion para a mulher que trabalha”, define a estilista Lidiane Zanotin, responsável pelo desenvolvimento.

Com a nova coleção, que reúne cerca de 400 modelos, a Hiz pretende dar continuidade aos bons negócios realizados em 2014. “Em cinco anos de empresa, a coleção verão este ano foi a que teve o maior volume de reposição por parte das lojas”, explica a diretora Laura Garcia. Conforme ela, os clientes compararam a mesma modelagem várias vezes, o que comprova o acerto das criações.

Com modelos que vão de despojados a clássicos e um perfil jovem e flexível, a Hiz, conforme Laura, adequa-se rapidamente ao que o mercado varejista e as consumidoras pedem, o que resulta em bons negócios em todas as regiões de atuação. “Em 2015, acreditamos que vamos repetir o sucesso de 2014. Estamos esperançosas e falamos de moda, não de crise”, afirma. A diretora destaca ainda que “já passamos por tantas dificuldades que não serão as atuais que vão nos abater”.

A Hiz emprega couro e materiais alternativos em seus produtos e desenvolve coleções mais seguidamente parta atender à demanda da moda, que se renova a cada dois ou três meses. Produz 850 pares ao dia e pretende manter este volume em 2015. Como é de praxe, materiais de PDV, com o displays, vão ser produzidos e distribuídos às lojas.

Além de atender aos lojistas, a empresa atende diretamente consumidoras de todo o Brasil por meio de sua loja virtual, recentemente colocada em operação. “Será uma vitrine a mais para os nossos produtos”, afirma Laura.
 


Marcas tradicionais vivem fase de retomada

Duas marcas tradicionais de Jaú, que ajudaram a consolidar o polo e a projetá-lo em nível nacional, investem na retomada de suas atividades, após um período de dificuldades financeiras. Com a segunda geração da família no comando, a Ferrucci já registra crescimento de vendas e produção. A Claudina, por sua vez, com o fundador Pedro Bianco Filho na direção, adotou um novo formato de negócios e também vive dias de expansão.

Ferrucci registra crescimento
A Ferrucci – uma das mais antigas marcas de calçados brasileiras, com 67 anos de história – iniciou em 2014 uma nova fase, agora sob o comando de Camila, Lucila e Priscila Ferrucci, filhas de um dos fundadores, Paulo Ferrucci. Com o fim da Ferrucci & Cia, em 2013, elas abriram a Ferrucci Indústria e Comércio de Calçados, que utiliza as mesmas instalações, manteve boa parte dos funcionários e fabrica os mesmos produtos da antecessora.

“É um novo livro que começou a ser escrito”, define Paulo Ferrucci, que acompanha as filhas nas atividades diárias e mantém o otimismo que sempre o caracterizou. Segundo ele, os resultados que vêm sendo obtidos indicam o acerto da iniciativa e a aceitação por parte dos clientes da nova empresa. “Iniciamos produzindo 1,2 mil pares ao dia e já estamos em 1,5 mil, um crescimento de 20%”, enfatiza.

Sapatilhas, rasteiras, sandálias e peep toes são algumas das linhas de destaque que integram as  coleções da marca, à venda em lojas de todo o Brasil e também no Exterior, para onde são enviados 5% da produção.

Para ampliar os negócios em 2015, a Ferrucci colocará em prática uma campanha de marketing para melhor direcionar as tendências às consumidoras finais. Além disso, uma coleção mais ampla foi lançada para o outono-inverno, na Couromoda 2015. “Os novos modelos vão de coturnos mais pesados, com solado tratorado, até mesmo sandálias mais elegantes, com salto alto e aplicações luxuosas. Exibem as cores burgundy e caramelo como a aposta neste inverno”, antecipa a diretora de estilo, Priscila Ferrucci.

Claudina volta ao mercado
A Claudina – que já foi uma das mais conhecidas marcas de calçados femininos fabricadas em Jaú – volta ao mercado por meio da Primafila Comércio de Calçados, nova empresa do criador da marca, Pedro Bianco Filho, e sua filha Ciscele Ometto Bianco.

A nova coleção da marca para o outono-inverno 2015 compreende produtos totalmente fabricados em couro e de qualidade média-alta, perfil que a Claudina sempre manteve ao longo de seus 42 anos de atuação no mercado, até fechar as portas em 2011. “É um momento especial para nós, após um ano em que as coisas começaram a acontecer novamente”, afirma Bianco Filho, referindo-se aos negócios realizados em 2014.

 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MAIS NOVIDADES